Penhor da Caixa é uma alternativa sem burocracia

0

Com uma taxa de juros que gira em torno de 4%, o setor de penhor da Caixa Econômica Federal tem se mostrado como uma das melhores opções para a obtenção de empréstimo.

De acordo com o gerente geral da CEF, Marcus Vinicius Lima Otávio, a falta de burocracia e a possiblidade de o cliente ter restrição cadastral tornam o penhor uma ótima alternativa.

“O setor de penhor da Caixa é uma ótima alternativa para quem procura obter uma linha de crédito, uma vez que possui uma das menores taxas de juros, o cliente pode até mesmo ter restrição cadastral que o dinheiro sai na hora, com a possiblidade de renovação do contrato e sem limite de joias a serem penhoradas”, comenta o gerente.

Vale lembra que os limites de empréstimos podem chegar até 100% do valor da garantia para os clientes que recebem o crédito salário na Caixa. Além disso, seus bens ficam em total segurança no cofre da Caixa.

Por ser o único banco a trabalhar com esta modalidade de crédito, a Caixa tem condições de disponibilizar uma equipe com avaliador na própria agência, o que agiliza o processo de liberação do dinheiro.

Marcus afirma ainda que qualquer pessoa física que tenha uma joia e queira penhorá-la pode realizar esse tipo de empréstimo de forma bastante simplificada.

“Através do setor de penhor de joias, o cliente tem a possibilidade de levantar um dinheiro sem destinar um fim específico, e qualquer pessoa pode fazer o empréstimo de forma rápida e desburocratizada”, afirma o gerente.

 

COMPARTILHE

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA