Polícia Civil prende suspeitos de tráfico de drogas

0
Foto: Divulgação/PCMG

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) cumpriu, na tarde de sexta-feira, 26, em Santa Vitória, dois mandados de busca e apreensão em residências que seriam locais de armazenagem de drogas. Durante a operação foram apreendidos 50g de crack, uma porção de maconha, R$125,00 em dinheiro, dois veículos automotores, duas balanças de precisão, fitas para embalar o entorpecente, além de munição intacta calibre 38. Por ocasião da situação de flagrante, foram presos 4 pessoas, sendo autuados pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse ilegal de munição.

A quadrilha, especializada no tráfico de entorpecentes, estava sendo investigada há três meses pela Polícia Civil de Minas Gerais e é apontada como a mais atuante na cidade de Santa Vitória. Em decorrência das investigações e prisões, trabalho realizado pelos policiais civis da cidade de Santa Vitória e da Delegacia Regional de Ituiutaba, a PCMG conseguiu prender mais dois suspeitos. Eles negociavam a entrega de cerca de 100kg de maconha no estado de Goiás.

A droga sairia de Campo Grande – MS e entregue na cidade de Rio Verde- GO, e, para efetuar abordagem e prisão dos dois suspeitos, a PCMG agiu de forma integrada com o Comando de Operações de Divisas, grupo especializado da Polícia Militar do Estado de Goiás. Foram apreendidos com os suspeitos cerca de 100kg de maconha.

Segundo o chefe da Regional de Ituiutaba, delegado Carlos Fernandes, foi uma operação de muito sucesso, onde o uso dos recursos de inteligência investigativa, tipicamente de polícia judiciária e de repreensão qualificada, levou ao êxito nas seis prisões e grande apreensão de drogas. “Nosso trabalho foi muito qualificado. Além de todas as nossas investigações, que foram primordiais, tivemos ajuda fundamental da Polícia Militar do Estado de Goiás. Em nossa região não vamos admitir que famílias sejam destruídas pelas drogas ou quaisquer outros motivos”, enfatizou.

Os suspeitos foram apresentados à autoridade policial da cidade de Rio Verde – GO, onde foi ratificada a prisão em flagrante delito. Em Santa Vitória, para apurar e imputar a autoria dos suspeitos presos foi instaurado inquérito policial e as solicitações de prisão preventiva já estão sendo providenciadas.

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY